Você poderá sim distribuir seus lucros com isenção de impostos desde que mantenha a escrituração contábil obrigatória (incluso nos serviços mensais), os impostos em dia e encargos sociais de colaboradores, se houver, em dia.

Assim, você paga os impostos do Lucro Presumido e depois de deduzido as despesas da empresa os lucros serão distribuídos com isenção de impostos ao(s) sócio(s).